ideias para chamar clientes

5 Ideias simples para chamar clientes para seu negócio

Precisa de ideias para chamar clientes? Listei aqui algumas opções bem interessantes e com custo bem baixo. A intenção aqui é mostrar que independente do tipo de negócio, é possível ter sucesso. Basta ter criatividade, dedicação e foco.

O cenário é geralmente assustador no início de um negócio. Seja ele uma loja, empresa de serviços ou um produto digital. A dificuldade é muito grande.

A parte mais desafiadora de todo o processo de empreender, é sempre chamar clientes. Muitos acham que basta criar anúncios, um local de muito fluxo de pessoas ou encher as redes sociais de posts de vendas. Bum, as vendas explodem. Mas não é bem assim que acontece.

E como podemos chamar clientes para o nosso negócio? Está aí a pergunta de 1 milhão de dólares.

Bill Gates já disse que, a empresa que não está na internet, não estará em lugar nenhum. Está fadada ao fracasso. E não ache que é só para empresas no início de suas atividades. Grandes corporações também não vão sobreviver.

Tirando estabelecimentos comerciais que estão localizados em pontos de muito fluxo de pessoas, há grande dificuldade em chamar a atenção do público e efetuar vendas.

Por causa desta dificuldade, vou propor algumas coisas que vão te dar um retorno bem interessante.

1. Faça Parcerias

Não é de hoje que pequenos empreendedores buscam ajuda de players já consolidados para divulgar uma marca.

No mundo digital é muito comum e dá bastante resultado também. Geralmente, tais parcerias são feitas buscando personalidades (influencers) pertencentes ao seu nicho de mercado. Podem ser feitos vídeos colaborativos, anúncios, envio de produtos.

No offline é possível propor algum tipo de desconto, benefício exclusivo ou mesmo colocar materiais informativos dentro do espaço físico de um grande empreendimento.

O importante é que parceria é algo bom tanto para o pequeno, quanto para o grande. Ninguém vive, nem cresce sozinho.

2. Faça Networking

O termo Networking está se popularizando no Brasil recentemente, mas a prática é antiga. É a tradicional entrega de cartões de visita para possíveis parceiros comerciais. Mas não aleatoriamente.

Frequentar eventos profissionais como palestras, feiras, treinamentos, lançamentos, pode trazer muitos contatos interessantes de profissionais com relação com seu negócio. Estude bem quem participará do evento e veja se faz sentido com o seu público alvo.

Na internet é possível se filiar a grupos de facebook, fóruns, guias comerciais, ou empresas especializadas como o BNI. Sempre busque uma forma saudável de fazer isso, caso contrário será como encher o bolso de cartões de visita, sem resultado algum.

3. Crie Conteúdo para informar e entreter

Marketing de conteúdo é algo relativamente novo e bastante efetivo. Inclusive é a forma mais comum de escalar algum empreendimento, principalmente após o surgimento do Google e das Redes Sociais.

Não pense que postar textos informativos, infográficos, artigos ou posts em redes sociais iniciaram este processo. Se você tem mais de 30 anos, provavelmente se lembra das latas de leite condensado que tinham receitas no verso do rótulo. É um clássico do marketing de conteúdo. O cliente consome o produto e ainda obtém algum tipo de benefício. Isso o incentiva a consumir casa vez mais o produto. Pense neste conceito e crie algum tipo de conteúdo útil para o seu cliente.

Compartilhe tutoriais, infográficos, artigos. Informação não tem dono, ensine algo útil e ganhe o cliente.

4. Deixe sua marca mais profissional: crie um logotipo

Muitos pequenos negócios são feitos para subsistência — a pessoa fica desempregada e tenta arrumar algo para ganhar dinheiro. Assim, é bem comum empreendimentos que não possuem um conceito, um arquétipo, uma filosofia, crenças ou traços bem definidos.

Hoje em dia, fazer um logotipo é algo bem mais simples e barato. Existem várias empresas especializadas em comunicação capazes de desenvolver uma grande marca para seu produto, ou serviço. Há serviços para todos os bolsos, não se preocupe com isto. Caso você tenha pouco orçamento, ainda assim você conseguirá resultado.

Importante dizer que uma logo deve ser entregue com um formato vetorial (psd, cdr, ai, eps) para que você possa aplicá-la em diversos formatos.

5. Proporcione ao seu cliente uma boa EXPERIÊNCIA

Deixei o melhor para o fim — uma boa experiência pode ser tanto algo físico, quanto virtual.

Entende-se como experiência, tudo o que envolver a compra e consumo de seu produto ou serviço.

Pense que você acordou com uma terrível dor nas costas e resolveu fazer uma massagem. Procurou um local perto da sua casa e marcou um horário. Como nunca fez antes, não sabe como é, mas acha que vai ser agradável.

Você chega num ambiente acolhedor, sente um perfume suave. É recepcionado por uma atendente com um grande sorriso no rosto e voz adocicada. Ela te pergunta como pode te ajudar hoje, quer realmente resolver sua dor nas costas. Você é levado a uma sala com musica baixinha e muito barulho de água.

Nem preciso dizer quão extraordinária seria esta experiência, não é mesmo?

Então, é possível oferecer ao cliente uma grande experiência tanto na vida real, quanto no ambiente virtual. O importante é a pessoa ter todas as suas expectativas superadas.

Invista em detalhes que realmente farão a diferença. O cliente espera algo e ser surpreendido fará diferença na vida dele. São ações que realmente trazem muitos clientes e sucesso ao seu negócio.

Quer uma ajuda nossa? Preencha o formulário abaixo!

Você PRECISA atrair clientes pela internet?
Preencha o formulário abaixo e receba uma proposta personalizada para começar a atrair clientes.